Praça dos Dendezeiros

Espaço revitalizado: Praça dos Dendezeiros recebe iluminação Celena

Praça dos Dendezeiros

Espaço revitalizado: Praça dos Dendezeiros recebe iluminação Celena

Quem anda pela Praça dos Dendezeiros, no bairro do Bonfim, em Salvador (BA), tem uma agradável surpresa: o espaço foi totalmente revitalizado e agora conta com quadras poliesportivas, equipamentos de ginástica, cachorródromo, parquinho para as crianças, pista de corrida e até um anfiteatro para apresentações culturais.

Apesar da reforma, as estruturas passariam despercebidas durante a noite, se não fosse por um detalhe fundamental: a qualidade da iluminação projetada pela Celena.

“Esse é um caso de segurança pública. Antes da reforma, quando a praça não tinha uma iluminação eficiente, os próprios moradores reclamavam que o local era usado como ponto de criminalidade”, lembra Felipe Marcili, engenheiro de projetos da Celena. “Hoje, com uma iluminação adequada para atender o espaço, não existem mais aquelas áreas escuras”, completa o especialista.

A luz dessa cidade sou eu

A relação entre a iluminação de Salvador e a Celena não é recente. Na verdade, foram justamente os bons resultados em outros projetos na região que promoveram essa nova oportunidade. O trabalho foi desenvolvido em parceria com o Consórcio CSI, encarregada da instalação do material.

“Essa não é a primeira vez que atuamos juntos. Já fizemos projetos de iluminação em túneis, trechos de vias públicas, entre outros. Temos bastante experiência em trabalhar na cidade de Salvador”, ressalta Marcili.

Na Praça dos Dendezeiros, a Celena ficou responsável pelo fornecimento de material para a iluminação da pista de corrida e o desenvolvimento do projeto luminotécnico das quadras poliesportivas.

“Tivemos que desenvolver uma solução que se adequasse à configuração do local, propondo uma iluminação totalmente direcionada. Se você apagar os projetores da quadra, não vai influenciar a luminosidade da pista de corrida, por exemplo”, detalha o engenheiro. “Essa é uma característica da iluminação em LED. Ela é mais objetiva, diminui o desperdício e ilumina aquilo que precisa ser destacado”, esclarece.

O projeto

Para promover a iluminação correta e segura da pista de corrida, a escolha da luminária foi baseada na disposição dos postes e na altura detalhada pelo projeto. Nesse caso, foram utilizadas 40 luminárias Square ECO de 100W.

Felipe explica que essa “é uma iluminação ideal para atuar na casa dos 30 lux, uma aplicação comum em vias públicas. Nessa configuração, você elimina as áreas de penumbra e garante um espaço mais iluminado como um todo”.

Além de sua fácil instalação, a luminária Square Eco apresenta uma eficiência luminosa de 110 lúmens por Watt e vida útil de 85.000 horas de uso.

Já para garantir a diversão nas quadras poliesportivas, o projeto desenvolvido pela Celena determinou a utilização de oito projetores modulares de 240W.

“Nesse caso, optamos por adotar uma iluminação de nível recreativo, ou seja, algo na casa dos 100 lux. Se fosse um ambiente para a prática de esporte profissional, seria um projeto bem mais complexo”, afirma o engenheiro. “Nós temos esse modelo de luminária em várias potências, mas optamos pela 240W, que garante um fluxo luminoso de 27.600 lúmens”, completa.

Quem mora na região nem sempre se interessa pelos dados técnicos das luminárias instaladas. Na verdade, as questões mais importantes são a durabilidade delas e se esses novos recursos não gerarão mais gastos ao poder público. Nesses casos, Felipe Marcili tem a resposta em apenas três letras: LED.

“As novas tecnologias do mercado têm uma vida útil bem maior. 85.000 horas de vida útil, pode gerar até  20 anos, dependendo do regime de uso. Além disso, elas contam com uma certa robustez. São feitas de um material resistente a determinados impactos, como uma bolada ou pedrada e, caso quebrem, não possuem vidro”, especifica. “É a união de tecnologia, eficiência, durabilidade e beleza”.

Bonfim

Bahia

Projeto: Projeto Novo

Produto(s):

Luminária Square ECO de 100W
Projetores modulares de 240W

Fotografia: SECOM – Prefeitura de Salvador


Golden